Curso de Medicina é um dos mais procurados entre estudantes

A Origem da medicina data 2.500 anos surgindo como ciência na Grécia

Por Débora Damasceno

O Curso de Medicina está entre os mais procurados por estudantes. Seu prestígio, sua honra e remuneração financeira cooperam para seu crescimento. A duração é de 6 anos, sendo que os dois últimos são como residente, atuando dentro de um hospital com supervisão de um médico. Ao término da graduação o estudante se forma como médico generalista, podendo se especializar em uma área como oncologia, cardiologia, pediatria entre outros. O valor médio de investimento nesta graduação é de R$6,2 mil dependendo de sua região.

As formas de ingresso para esse curso podem ocorrer por meio de bolsas estudantis parciais ou integrais como Programa Universitário para Todos (Prouni). Ou com Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), em que o aluno só começa a pagar as parcelas da universidade um ano e meio depois de formado. Essas bolsas possibilitam a entrada do estudante com baixa renda comprovada ao curso superior.

A Medicina como ciência surge na Grécia há mais de 2.500 anos com Hipócrates relatando suas experiências. Roma se tornou um centro onde todos os “médicos” da época iam, para desenvolver suas teorias e estudos. Entre eles quem ficou conhecido foi o Grego Galeno que com animais construiu o modelo da anatomia. No Egito a prática cresceu com uma ligeira ligação à religião, devido aos tratamentos ao Faraó que era considerado deus. Devido às técnicas para mumificações da época foram encontrados corpos de antigos reis egípcios. Durante a idade média, o desafio foi o rompimento das restrições religiosas sobre as dissecações de corpos.

Com o avanço das tecnologias e estudos de diversas áreas como física, biologia, química e outras, a Ciência da medicina se fortaleceu e cresceu, possibilitando a riqueza de conhecimento, técnicas e métodos que duram até hoje. Entendendo a importância das etapas, os estudantes terão inicialmente os fundamentos teóricos da área em anatomia; biologia; fisiologia; imunologia e farmacologia. Na fase pré-clínica que dura em média dois anos será estudado as doenças e como elas se manifestam no corpo humano.

O Retorno financeiro pode ser visto logo depois da formação, com um bom desempenho o profissional será bem remunerado e requisitado, tendo em vista a mão de obra qualificada escassa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.