Prova de vida do INSS volta a acontecer a partir do dia 1º de junho

Imagem da internet

A prova de vida do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) volta a ser obrigatório após 1 ano e 3 meses de suspensão em razão da pandemia do novo Coronavírus. Aposentados e pensionistas que não realizaram o procedimento nos meses de março e abril do ano passado devem procurar a agência bancária onde recebem o benefício para regularizar a situação até o final do mês de junho.

O segurado deverá comparecer presencialmente ao banco onde recebe seu benefício. Algumas instituições bancárias oferecem alternativas, como prova de vida pelo caixa eletrônico ou por aplicativos. O beneficiário deve confirmar as opções disponíveis e o horário de funcionamento junto ao banco, pois algumas instituições oferecem horários diferenciados para os beneficiários do INSS.

O INSS já liberou o calendário com todas as datas para realização da prova de vida, baseado na última vez em que o procedimento foi feito pelo beneficiário. Sendo assim:

Quem não fez no mês de fevereiro de 2020 fará até 31 de maio de 2021;

Quem não fez nos meses de março e abril de 2020 fará em junho de 2021;

Quem não fez nos meses de maio e junho de 2020 fará em julho de 2021;

Quem não fez nos meses de julho e agosto de 2020 fará em agosto de 2021;

Quem não fez nos meses de setembro e outubro de 2020 fará em setembro de 2021;

Quem não fez nos meses de novembro e dezembro de 2020 fará em outubro de 2021;

Quem não fez nos meses de janeiro e fevereiro de 2021 fará em novembro de 2021;

Quem não fez nos meses de março e abril de 2021 fará em dezembro de 2021.

Em caso de dúvidas use os canais de atendimento do INSS:

Meu INSS, aplicativo oficial do INSS ou pelos sites gov.br/meuinss e meu.inss.gov.br;

Central de atendimento telefônico 135;

SMS identificado como 280-41.

Por João Marcelo Barbosa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *