Mulher Rei: Resistência e empoderamento feminino negro

A vencedora do Oscar, Viola Davis, é a grande protagonista de “A Mulher Rei”, novo filme épico da Sony Pictures baseado em uma história real. O longa que será estreado no dia 22 de setembro de 2022 no Brasil  ganhou uma nova prévia, mostrando cenas onde a atriz que é conhecida pelos filmes Um Limite Entre Nós,  longa pelo qual recebeu o Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante em 2017, Histórias Cruzadas, e pelo papel de Amanda Waller nos filmes de Esquadrão Suicida e na série O Pacificador, aparece em ação na mais nova produção de sua carreira, além  de contar com um super elenco composto por; Thuso Mbedu, Lupita Nyong’o,  Lashana Lynch e Sheila Atim.

A Mulher Rei acompanha Nanisca interpretada por Viola Davis na trama,  que foi uma comandante do exército do Reino de Daomé, um dos locais mais poderosos da África nos séculos XVII e XIX. Durante o período, o grupo militar era composto apenas por mulheres, entre as guerreiras está a filha de Nanisca, Nawi (Lupita Nyong’o), juntas elas combateram os colonizadores franceses, tribos rivais e todos aqueles que tentaram escravizar seu povo e destruir suas terras. 

A obra foi exibida no Festival de Toronto e sua projeção foi marcada por aplausos e gritos  como “Nós te amamos, Viola!” e “Obrigado, Viola”. A plateia aplaudiu desde a primeira vez que a atriz apareceu na tela, e esses aplausos continuaram em meio às sequências de ação.

Viola Davis virá ao Brasil pela primeira vez para promover a estreia de seu próximo filme, A Mulher Rei. O anúncio foi feito pela Sony Pictures, mas até o momento não foi divulgado o dia que a atriz chega ao país, nem a agenda da visita.

Na estreia do filme “A Mulher Rei”  o Museu da História e Cultura Afro-Brasileira ( Muhcab) no Rio de Janeiro receberá a exposição “ O impacto da Mulher na Cultura Afro-Brasileira”, que exibe fotos tiradas durante a gravação do longa, figurinos originais e muito mais.  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.